O Carnaval de Salvador

Apresentação Programação Carnaval Salvador 2016

Tema da última edição do Carnaval de Salvador. Imagem: Divulgação/Fan Page Oficial

 

O Carnaval de Salvador é a festa popular de maior destaque da Bahia. Entre as diversas opções para se divertir, os foliões festejam em três principais circuitos: Dodô (Barra-Ondina), Osmar (Campo Grande) e Batatinha (Centro Histórico).

 

A maioria dos blocos/trios elétricos que desfilam são pagos, mas há também a programação do Furdunço e blocos sem corda que são gratuitos, conhecidos como “carnaval pipoca”.

 

Outra opção da programação é curtir o “Carnaval nos Bairros”: são estruturados palcos para realização de shows em bairros como Cajazeiras, Itapuã, Periperi, Plataforma, Pau da Lima e outras regiões. Há, também, o Palco do Rock, onde é possível conferir uma programação mais alternativa.

 

O  evento é conhecido principalmente pelas diversas opções de Camarotes Particulares que trazem grandes atrações do Brasil para a cidade nesta época do ano. Os dois principais circuitos da festa com camarotes são: Barra / Ondina (o mais badalado) e o Campo Grande / Osmar.

 

A comemoração carnavalesca na cidade teve início no século 20, assim como todos os outros carnavais do país. A festa é uma grande manifestação cultural e popular que reúne pessoas de diversas idades, estilos, classes e gostos.

 

No início, as comemorações eram feitas na Baixa do Sapateiro e, só a partir da década de 50, o Carnaval de Salvador começou a ganhar uma forma mais definida. Foi em 1950 que o primeiro trio elétrico, que tinha o nome de “Clube Vassourinhas”, desfilou nas ruas da cidade e, a partir de então, vários outros surgiram para animar as pessoas que estavam nas ruas.

 

Mesmo com os trios já existentes, a tradição mesmo só foi aparecer e se concretizar na década de 60, quando a prefeitura da cidade organizou concursos de trios, o que gerou uma certa competitividade e fez com que muitos melhorassem os carros a cada ano.

 

Com o grande crescimento da festa, o Carnaval de Salvador começou a atrair patrocinadores a partir de 1990, a introduzir novos ritmos – como a música afro – e a atrair muitas pessoas de outras regiões.

 

+ Acompanhe aqui as novidades da programação do Carnaval de Salvador em 2017

MENU

- O Portal e Termos de Privacidade

Conect-se Também