8 Dicas para curtir a folia baiana sem transtornos

 

Banner de divulgação do Carnaval Salvador 2016. Fonte: Fan page oficial do Carnaval Salvador | Reprodução

Banner de divulgação do Carnaval Salvador. Fonte: Fan page oficial do Carnaval Salvador 

 

A festa de Momo em Salvador atrai milhões de foliões todos os anos. Estão na programação circuito de blocos, palcos com shows variados, festejos nos bairros, vila gastronômica, vila infantil e vários outros polos que vão estar lotados de gente buscando muita animação.

 

Mesmo com toda a alegria que cerca o período, é preciso que o folião esteja atento a questões de segurança e saúde, pois locais com grandes aglomerações podem deixar as pessoas suscetíveis a problemas. Por isso, nós separamos algumas dicas para que todo mundo possa se divertir sem ter dor de cabeça depois da quarta-feira de cinzas.

 

Dica 1 - Use o transporte público ou o “Expresso carnaval” para chegar aos pontos de folia.

Os ônibus, metrôs e táxis são a forma mais tranquila para o folião evitar problemas com estacionamento e furto de veículos.  A prefeitura de Salvador vai disponibilizar um esquema especial para atender o público durante os dias de festa: vão estar a postos mais de 800 ônibus de linhas comuns; o “Expresso Folia” contará com 60 micro-ônibus para quem pagar pelo serviço dentro dos shoppings da cidade; haverá 15 pontos fixos  de táxi espalhados em vários locais de festa; as linhas do metrô também vão estar preparadas, inclusive algumas irão funcionar sem cobrança de tarifa.

 

 

Para acompanhar todos os detalhes sobre o transporte em Salvador, acesse a página do Confira Mais.

 

Dica 2 – Evite andar sozinho ou por por lugares isolados

A Polícia Militar sempre adverte o público para andar em grupos no período do Carnaval. Isso dificulta a abordagem de criminosos, evitando roubos e delitos em geral. Também é importante não seguir por locais mal-iluminados ou com poucas pessoas e se notar alguma atitude estranha ou pensar estar sendo seguido, entre em algum estabelecimento comercial e espere um tempo até certificar-se de que está tudo bem.

 

Para quem estiver andando sozinho, procure sempre ficar no centro da calçada e na direção contrária ao trânsito, de forma a perceber mais facilmente a aproximação de suspeitos.

 

Dica 3 – Seja discreto quanto a objetos de valor

Não saia para a folia com jóias, grande quantia em dinheiro, nem cartões de crédito/débito além do necessário. Se estiver com bolsa ou carteira, não a abra na frente de estranhos e sempre a deixe em algum local na frente do corpo, evitando que roubos durante as aglomerações.

 

Dica 4 – Se for vítima de algum crime, procure a delegacia mais próxima.

A prefeitura de Salvador disse que vai montar um esquema especial para o Carnaval e vão estar a posto 26 mil trabalhadores do Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Civil. Oito postos funcionarão nos diferentes circuitos carnavalescos (Ondina, Praça Castro Alves, Farol da Barra, Sabino Silva, Pelourinho e Campo Grande) além de no Porto Marítimo e no Aeroporto.

 

Também haverá a Ronda Maria da Penha, com o objetivo de dar atenção especializada às ocorrências de violência contra a mulher.

 

Dica 5 – Identifique as crianças de modo visível.

Quem for brincar o carnaval com crianças deve ter atenção redobrada, pois qualquer descuido pode se transformar numa tragédia. É recomendável que os pais ou responsáveis façam uma pulseira/crachá identificando a criança com informações básicas (nome, endereço, telefone dos pais) para que caso ela se perca. De toda forma, em qualquer caso de desaparecmento deve-se procurar algum policial na área e informar o ocorrido.

 

Dica 6 – Fique atento aos seus documentos de identificação

Mantenha seus documentos sempre junto do corpo. Em caso de perda ou roubo, o folião deve fazer um boletim de ocorrência (B.O.).

 

Os documentos encontrados pela Polícia Militar ao longo do período de Momo serão cadastrados e posteriormente devolvidos ao seu titular. As pessoas podem verificar se o documento foi localizado pelo site www.pm.ba.gov.br.

 

Para os moradores de Salvador, a devolução será feita a partir da primeira segunda-feira após o Carnaval  no SAC do Shopping Barra (durante 30 dias) e posteriormente nos órgãos expedidores. No caso dos turistas, esses poderão reaver seus documentos ainda no próprio período da folia, basta dirigir-se ao Quartel do Comando Geral da PM, Largo dos Aflitos.

 

Dica 7 – Não descuide da saúde.

Os hospitais em Salvador terão reforço nas equipes durante todo o período de Carnaval com plantonistas dispostos 24h por dia para atender qualquer incidente. Também estarão sendo feitos testes rápidos de DST/Aids em dois postos de saúde na cidade e em um localizado em Porto Seguro.

 

A distribuição de preservativos continua sendo realizada pela prefeitura e esse ano visa entregar cerca de 4 milhões  de camisinhas, buscando garantir o sexo seguro entre os foliões.  No período de Momo também haverá postos para doação de sangue.

 

Dica 8 – Tenha a mão números de serviços essenciais

Em caso de algum problema na folia, é importante ter anotado alguns números de locais ou departamento importantes de segurança e saúde. Sendo assim, guarde esses telefones:

Bombeiros – 193

Polícia Civil – 197

Polícia Militar – 190

Samu – 192

Violência Infantil – 100

Delegacia Especial de Atendimento à Mulher – (71) 3116 – 7000

Aeroporto – (71) 3204- 1010

MENU

- O Portal e Termos de Privacidade

Conect-se Também